Institucional

História, Missão, Objetivos e Valores

Institucional

História

Em 2005 o Metropolitano de Lisboa, adquiriu 20% da participação acionista da Promo Metro e em 2011 adquiriu idêntica posição à SETEPCOM, passando a deter as ações representativas da totalidade do capital social, dando assim origem à Metrocom.

O Nosso Propósito

Assegurar a adequação da oferta de produtos e serviços comerciais aos clientes do Metropolitano de Lisboa, no sentido de gerar um maior valor associado à utilização do meio de transporte público/metro”.

Âmbito

A Metrocom, S.A. tem como função gerir com rigor e eficiência os espaços comerciais e outros equipamentos da rede do Metropolitano de Lisboa, assegurando a sua boa utilização, valorização e rentabilização, promovendo o aumento do grau de satisfação do cliente e a sua fidelização. Para tal, concilia o interesse comercial e a rentabilização dos seus espaços, obtendo receitas complementares como forma de gerar valor para o seu acionista, clientes e colaboradores.

Princípios de Gestão

As decisões gestionárias asseguradas pela Metrocom refletem-se nos seguintes princípios de gestão:

  • Organização da atividade definida em função da dignidade humana, da valorização e respeito pelas pessoas, e na perspetiva da satisfação dos clientes, pautando-se pela prestação de um serviço de qualidade, e por critérios de rigor, imparcialidade, coerência e eficiência operacional, bem como pelo cumprimento dos compromissos assumidos com o cliente e com o acionista;
  • Definição da estrutura organizacional assente na qualificação profissional e técnica dos seus recursos humanos, do espirito de equipa e na busca da excelência, com humildade e com respeito pelo outro;
  • Responsabilidade económica, social e ambiental como empresa sustentável e geradora de valor, respeitadora das pessoas e da sua dignidade (trabalhadores, colaboradores, clientes e acionista) e amiga do ambiente.

Objetivos

  • Adequação da oferta de produtos e serviços aos clientes do Metropolitano de Lisboa, de forma a poder gerar um maior valor associado à utilização do meio de transporte/metro;
  • Melhorar a imagem dos espaços comerciais;
  • Rentabilizar as áreas comerciais da rede do metropolitano.

Organigrama

Institucional

Informação Comercial

Institucional

Conceitos Comerciais Fixos

Conceito Físico

Loja

Espaços comerciais localizados dentro da rede do Metropolitano, que beneficiam do elevado tráfego de passageiros.

Conceitos Temporários

Conceito temporário

Stands

Espaços destinados à venda de produtos e serviços, posicionados em locais específicos com elevado tráfego.

Stands Locais

Aluguer de stands posicionados em locais de elevado tráfego e customizados com a identidade das marcas e que não requerem um grande investimento inicial.

Pop-up Store

Solução sazonal de curta duração, destinada às marcas que pretendem vender os seus produtos e serviços que são direcionados para um nicho de mercado.

Lounge Store

Destina-se à promoção ou teste de marcas que exigem interatividade com o consumidor, funcionando como “montra” junto de um grande número de pessoas.

Test Store

Conceito direcionado para novas marcas, que pretendem testar a sua aceitação e posicionamento no mercado, antes de decidirem avançar com uma loja de longa duração.

Promoções e ativações de vendas; Eventos, Workshops

Espaços específicos destinados à realização de ações de promoção de vendas, feiras, workshops, showrooms, demonstrações comerciais, entre outras.

Responsabilidade Corporativa

Institucional

De acordo com a nossa política de Responsabilidade Social e conhecendo a realidade que nos envolve, seguimos determinados valores e princípios no apoio a instituições sociais e culturais que pela sua natureza detêm um papel preponderante na sociedade em que vivemos.

COOPERAÇÃO / APOIOS COM INSTITUIÇÕES COM FINS NÃO LUCRATIVOS

CASA (Centro de Apoio aos Sem Abrigo) no PMO I, estação Jardim Zoológico

ANDDVIS – Associação Nacional de Desporto para Deficientes Visuais, estação Jardim Zoológico átrio Norte

UEST – Unidades de Equipamentos e Serviços Tiflotécnicos, estação Jardim Zoológico átrio Norte

ASAPOL – Associação Sindical Autónoma de Polícia, estação Olivais

Adfersit – Associação Portuguesa para o Desenvolvimento dos Sistemas Integrados de Transportes, estação Picoas

ACC –  Associação Caravela do Conhecimento, estação Encarnação

AAICA – Associação de Apoio à Informação a Cegos e Amblíopes, estação Restauradores átrio Norte

Tecla Melódica – Associação Cultural, estação Restauradores átrio Norte

Kanimambo – Associação de Apoio ao Albinismo, estação Jardim Zoológico átrio Norte

Livro de Reclamações Eletrónico

www.livroreclamacoes.pt/inicio

Planos de Igualdade

Relatórios de Contas

Institucional

Capital Social: 750 000 euros

NIPC: 503 216 046

Matriculada na C.R.C. de Lisboa